Everyday

     





Everyday I wake up

Everyday I wake up alone

Everyday I wake up
Everyday I wake up alone
Kill Me - The Pretty Reckless




     Guarda roupas vazio, estantes vazias, tudo limpo e arrumado. O resto organizado. Em um compartimento grande e mais outro um pouco menor. Era uma mudança de casa, a diferença que seu núcleo familiar não irá junto com você. É como um casamento, a diferença é que está casando com uma instituição e não com uma pessoa. E é assim, pois você assumiu um compromisso. Está até saindo de casa por isso.
       Há uns dias atrás meu tio perguntou: Está chorando agora  ? E eu disse: Não, por quê ? E meu tio riu e disse: É quem fica que chora não é ? E eu disse: Ah, quem vai também chora, só que depois. Mas ele retorquiu: Não, quem vai tem novidade, então quase não chora. Eu apenas dei uma risada leve, mas pensando: Não, quem vai também chora, mas ninguém vê. Pois aos olhos do mundo temos de sorrir e com os olhos e o sorriso dizer: Vamos nessa, estou louco para começar essa nova vida. Mas não é bem assim. Nem sempre isso acontece, claro que negar a empolgação é mentira, mas dizer que ela apaga a tristeza do ''abandono'' também é.
      E todos falam e dão conselhos. Faça isso, não faça aquilo. Olhe para isso, pense bem naquilo. Todos te olham com orgulho ainda que antes não acreditassem. Agora são obrigados a isso e até mostram-se felizes e querem que estejamos também. Querem que eu esteja. Estou. Estou sim. Mas em parte  a garganta tem apertado e o travesseiro tem ficado molhado, mas ninguém viu, ninguém percebeu, ninguém deu a mínima.  
     Exceto talvez uma pessoa.
     Tudo está para mudar de uma forma brusca. Oficialmente adulta, sozinha, e quase que deixada em um lugar desconhecido pelos sentidos. Chega de : Me ajuda com isso, olha isso aqui, está certo ? E agora ? Acabou. Sou eu e eu, e quem sabe mais um eu que eu encontrar por ai. Apronte-se, está na hora.
Limpe o rosto garota! Não chore, é proibido chorar lembra-se ? É claro que me lembro...Era proibido chorar...por tais motivos.
     Mas logo estará de volta oras! Pois é, logo estará de volta.

     

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fale comigo, estranho!