Coração Coxo




O que seria eu ?
O que restou de mim ?
Dei-me e agora sou seu
E para mim restou o fim

O que eu sou ?
O que restou do corpo ?
Sou tudo o que você errou
Meu respirar é um fosso

O que você é ?
Você é desejo
Desejo da vitória
Mas eu sou apenas escória

Sentia um remorso marcante
Seu peito, ficava palpitante
Era um remorso dificultoso
Seu peito, estava coxo
_________________________________________________________________________________

Sou um verme maltratado
Verme.Palavra que define minha pessoa
Um lixo descartado várias vezes
Um esquecido desmerecedor de compaixão
Estou cega.Ou deveria estar
Estou muda. Ou deveria ficar
Estou surda. Ou deveria estar.
Cuspo veneno. Sou uma víbora
Sou o verme de uma víbora
Sou cega e não meço a dor
Eu sou a dor. A dor do mundo.

________________________________________________________________________________

" Um fogo devora um outro fogo. Uma dor de angústia cura-se com outra"
                                                                                                                        Romeu e Julieta



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fale comigo, estranho!