Prólogo do livro - Joe Lowis e o chamado da meia-noite

 Esse é o prólogo do meu livro mais precioso. Será uma quadrilogia e agora percebi que o primeiro livro está quase pronto. Pois é, fiquei tanto tempo focada no começo, meio e no clímax da história que nem me dei conta de que já posso finalizá-lo. Mas ainda tem muita coisa pra acontecer, dentro do livro e fora dele. Portanto, ainda que esteja quase pronto ele não está quase pronto. Complicado, mas acabei tendo outras ideias e com a faculdade voltando no segundo semestre terei pouco tempo para me dedicar , ao menos tanto quanto eu queria. Enfim, J.K Rowling levou 7 anos para escrever Harry Potter e a Pedra Filosofal, e J.R.R Tolkien 12 para escrever a obra completa SDA, logo tenho 4 anos a meu favor seguindo a Rainha ( Ao menos para o primeiro livro rs ) e 9 seguindo Tolkien ( para os outros quatro rs ) 

X


 "Era uma dor incapaz de ser sentida por humanos ou qualquer criatura que não fosse... Como ele. Era algo que subia e descia desde as costas até sua cabeça. Em seguida essa mesma dor transformava-se em algo quente como brasa que transpassava seu peito. Joe não fazia ideia do que era aquilo. Tentou gritar seus pais ou seu irmão, entretanto sua boca abria, mas som algum saia. A dor era tanta que ele pensou que ali mesmo, em seu quarto morreria. Mas subitamente a agonia começou a ceder. Vagarosamente Joe deixou de se contorcer. Num momento mórbido sentido ou visto apenas em seus pensamentos tudo o que lhe machucara nos últimos cinco minutos desaparecera. Ele abrira os olhos fitando o teto branco de seu quarto, piscou três vezes para ter certeza de que não estava sonhando. Contudo, não conseguira se levantar, seu corpo estava demasiadamente pesado.  Ficara ali, até cair no sono por volta das três da manha, e mais tarde ser obrigado a se levantar não pelo alarme do celular, não pelos gritos de sua mãe, mas por uma visita que nem ele nem ninguém em sua casa estava esperando."

Comentários

  1. quase pronto?? nem acredito que já posso ler uma obra tão inspiradora em breve.
    Até agora tá muito misterioso, mas aposto que valerá a espera.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Fale comigo, estranho!

Postagens mais visitadas deste blog

Lupus- Parte I

O último poema de amor

Fade Away