17 de outubro de 2017

mar

Se você flor
floresça em mim
e se eu for
ficarei em ti

se você poema
poeme-se aqui
e se eu escrever
poemando estarei assim

e se (contigo) eu rio
você (poe)mar
e nós juntos
(no) oceano amar

e quando a chuva cai
no aconchego do sofá
você fica e nunca se vai
nos beijamos aqui e lá


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fale comigo, estranho!

Pianista (e a ) Sereia - Parte I

O relógio batia quase meia-noite e as ruas de Wuppertal, na Alemanha já estavam iluminadas pelos postes de luz. Os habitantes em suas casas...