5 de março de 2018

Noite

" A dor precisa ser sentida. "
GREEN, John.

Eu sei o que fiz na sua vida
eu fui todo e qualquer motivo de ida
eu não sei o que lhe dizer
para lhe fazer ficar, querer

Voltemos aos vocábulos deteriorados por minhas mãos machucadas
de tanto escrever, de tanto lhe tentar fazer compreender e enxergar, enfim
e então ressurge do nada, minha vontade de caminhar, apesar das pernas cansadas
no entanto, essa mesma força se esvai como tudo o que há em mim

tento compreender onde foi que errei
o que fiz que tanto lhe machuquei?
desprovida de qualquer motivação
você me usou e então foi embora, sem coração

***

eu já devia saber, que você iria embora
no fundo eu sabia, mas acreditei em suas palavras
bebo meu álcool tentando lhe esquecer, sem demora
e então lembro de todos que bebemos juntos, lembranças

tínhamos tantos planos apesar do pouco tempo
agora temos tantos nadas, planejados ao desalento
em cada esquina deparo-me com teu rosto, seu nome
e então quando parece que lhe vi, de fato, você some

porque, na verdade, não estava ali
nem em minha porta como pedi
a cada som da campainha triste
meu coração dispara, no fim, partiste

meus vocábulos sem rima e minhas palavras rebuscadas
escondem cada sentimento que nego ao frio mundo
nunca senti como dessa vez, mas emoções são falácias
projetadas pelo nosso ego para alimentar o desejo profundo

mas ele nunca é saciado
passamos a vida chorando
em vão pelos motivos errados
e nunca pelos momentos marcados

e agora sigo eu, sozinha, chorando à noite
às vezes, de dia, abandonada à sorte
sem sua presença meu espírito é meu açoite
e agora anseio ainda mais minha morte
















Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fale comigo, estranho!

SORTEIO de 4 livros!

Oi, galerinha. O Estranho Mundo de Thays vai realizar o sorteio de 4 livros. Isso mesmo! QUATRO livros para vocês. Quando o blog atingir a...